Portal do Governo Brasileiro

O que é o TELELAB?

O TELELAB é um programa de educação permanente, do Ministério da Saúde, que disponibiliza CURSOS GRATUITOS, cujo público alvo são os profissionais da área de Saúde.

Certificação

Nossos cursos são certificados pela Universidade Federal de Santa Catarina. Clique aqui para saber mais sobre o processo de certificação.

Área do Aluno

Segunda, 04 Novembro 2019 16:21

MS realiza oficinas para enfrentamento e estruturação da Rede de Laboratório de Hanseníase para estados da Região Sudeste

Avalie este item
(1 Voto)

As oficinas visam melhorar ainda mais a ações desenvolvidas na ponta para o enfrentamento da doença.

29.10.2019 - 17:29
29.10.2019 - 17:31

O Ministério da Saúde realiza, nesta quarta-feira (30) em São Paulo/SP, o início da Oficina Macrorregional Sudeste, que tem como objetivo apoiar estados e municípios quanto ao planejamento das ações estratégicas de enfrentamento da hanseníase, considerando as especificidades epidemiológicas e operacionais de cada localidade. 

Para a coordenadora de Vigilância das Doenças em Eliminação (CGDE), Carmelita Ribeiro, “a oficina tem como proposta apoiar estados e municípios com a elaboração de planos operativos para enfrentamento da hanseníase, visando o avanço da redução da carga da doença no país”.

O evento está será organizado pela CGDE, e ocorrerá no período de 30 de outubro a 01 de novembro de 2019. Com aproximadamente 90 participantes.

A Oficina contará com a presença de integrantes da área técnica da CGDE, representantes das Coordenações do Programa de Hanseníase e da Coordenação da Atenção Básica dos estados localizados na Região Sudeste do País, da Vigilância em Saúde e da Atenção Básica de municípios selecionados, do Movimento de Reintegração das Pessoas Atingidas pela Hanseníase (Morhan), representante do COSEMS/SP, gestores de saúde locais e especialistas sobre a hanseníase, que atuarão como facilitadores da Oficina.

Estruturação da Rede Laboratorial

Outro evento está sendo promovido entre os dias 29 e 30 de outubro, também em São Paulo/SP: a “Oficina de Planejamento para a Estruturação da Rede Laboratorial para Hanseníase na Região Sudeste”. O evento tem como objetivo o fortalecimento e integração da rede laboratorial do SUS com a vigilância da hanseníase no País, voltadas a qualificação do atendimento às pessoas acometidas pela doença.

Organizado pela CGDE e pela Coordenação-Geral de Laboratórios de Saúde Pública (CGLAB/DAEVS/SVS-MS), com apoio do Instituto Lauro de Souza Lima (ILSL), o evento conta com a presença dos Diretores e Técnicos dos Laboratórios Centrais de Saúde Pública dos estados da Região Sudeste do País.